Temas


Não Aborte o seu Chamado
Não Aborte o seu Chamado
“E, no sexto mês, foi o anjo Gabriel enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, A uma virgem desposada com um varão, cujo nome era José, da casa de Davi; e o nome da virgem era Maria. E, entrando o anjo aonde ela estava, disse: Salve, agraciada; o Senhor é contigo: bem-dita és tu entre as mulheres. E, vendo-o ela, turbou-se muito com aquelas palavras, e considerava que saudação seria esta. Disse-lhe então o anjo: Maria, não temas, porque achaste graça diante de Deus; E eis que em teu ventre conceberás e darás à luz um filho, e pôr-lhe-ás o nome de Jesus. Este será grande, e será chamado filho do Altíssimo; e o Senhor Deus lhe dará o trono de Davi, seu pai; E reinará eternamente na casa de Jacó, e o seu reino não terá fim.” Lucas 1: 26 a 32

Vamos pensar um pouquinho sobre como uma menina recebe uma mensagem como esta:

1. Imagine você tendo que falar com seus pais que simplesmente esta grávida e para ficar pior isso acontece antes de seu casamento e ainda o filho não é de seu noivo!
2. Agora imagine também, ela tendo que contar para o seu noivo com quem nunca tinha tido contado físico que estava grávida.
3. Enfrentar a acusação do povo e uma possível morte por adultério.

O que seria mais fácil para Maria continuar com esse chamado ou abortá-lo impedindo o comentário dos outros ou as criticas?

Mas Maria entende que o que começa a nascer dentro dela era bem maior do que ela. Quando somos chamados para algo temos que entender que muitos não entendem, e de acordo com nossas escolhas determinaremos como vai ser o destino de nosso chamado. Imagine se Maria abortasses Jesus?
Se cada um de nos entendermos essa revelação os inúmeros de abortos Espirituais acabariam. Hoje em dia, muitos tem abortado seu chamado ou sua missão por que não deixam o amor nascer. Quando Maria foi tocada pelo Espírito Santo ela não teve escolha, naquela hora ela sabia, que tinha que morrer para esse mundo. Não ia importar o que ninguém falasse para ela, ela iria até o fim. A criança iria nascer. Dentro dela começou a morrer para esse mundo. Sim! Ela sentiu que algo na sua jamais seria igual.Temos que entender que toda promessa vai nos custar algo. As promessas que mais nos custam que são as melhores. Não tem jeito. Toda promessa nos custará alguma coisa. Maria entendeu que custaria sua reputação, mas no futuro seria a sua honra. Deus quer levantar pessoas que levem as suas promessas ate o fim e não abortem seu chamado por um problema ou uma dificuldade. No caminho para o amor e a mesma coisa no início será difícil, pois vivemos em um mundo que não esta sendo regado pelo amor e sim pelo egoísmo. Pessoas a cada dia só se preocupam com elas mesmas. Mas e você o que você vai fazer com o que Deus está gerando dentro de você? A cada palavra que Maria escutava de desânimo ela lembrava que dentro dela esta sendo gerada Jesus. Todas às vezes que você receber uma palavra que te entristece, lembre-se que dentro de você está sendo gerada a promessa de Jesus.
Nenhuma palavra ou nenhuma situação conseguiu destruir o que estava sendo gerado dentro de Maria.
Nenhum poder ou potestade poderia matar o que está dentro dela.
Saiba mais
Derrotando Ursos
Derrotando Ursos
Quando olhamos para Davi vencendo vários obstáculos, que praticamente seriam considerados impossíveis aos olhos humanos, fico me perguntando por que às vezes, agimos como ele, e deixamos o pecado tomar lugar na nossa vida.
Davi era um Pastor segundo o coração de Deus. Estava acostumado a matar ursos e leões, a vencer Gigantes e expulsar espíritos malignos. Porém, quando se tornou rei, durante um momento, esqueceu de tudo isso e chamou para perto dele os mesmo espíritos que estava acostumado a expulsar. Em um único dia, Davi quis algo que Deus não tinha projetado para ele, justamente a mulher de outro, de Urias.

O pastor acostumado a matar leões e ursos agora mata igualmente a eles.

Davi estaria disposto a matar o homem da historia rapidamente, mas não estava disposto a matar seus próprios erros.
Sempre quando um líder não tem coragem para confrontar o pecado, acaba anulando os que querem viver em santidade. Urias não poderia mais habitar no arraial, pois confrontava as fraquezas do rei.Quando o rei descobre que alguém pode revelar suas fraquezas, se não estiver em Deus, passa a atacá-lo, pensando que a culpa é de quem o confronta.
Mas vamos analisar bem.
Urias confrontava as fraquezas de Davi e como Davi não queria confessá-las nem tão pouco renunciá-las, só haveria uma única solução: A morte de Urias. Mas de quem era a fraqueza? De Urias ou de Davi? Qual deveria morrer: os erros de Davi ou a vida de Urias. Se alguém me confronta em minhas fraquezas, é por que tenho fraquezas expostas. Mas as fraquezas são minhas. Minhas fraquezas me denunciam, sendo assim, sou eu mesmo quem tem que destruí-las.
Davi tinha que matar seu próprio pecado e não matar Urias. É justo alguém ter dificuldade em alguma área e ao invés de tratá-la, destruir quem as denuncia? Realmente Urias tinha que Morrer? Realmente Davi tinha que matar Urias?
Saiba mais
Saindo de Uma Visão de Tijolos Para Viver a Visão do Reino de Deus
Saindo de Uma Visão de Tijolos Para Viver a Visão do Reino de Deus
Você sabe qual é a diferença entre a visão de Deus e a do homem? A diferença está no fato de que a visão do homem está sempre focalizada em si mesmo, e a de Deus, em Todos.
Quando possuímos uma visão de tijolos, nossa liderança é baseada em nós mesmos, em nossas próprias idéias e conceitos. Queremos construir torres, monumentos em torno de nós mesmos. Assim:

• De Pastores, nos tornamos dominadores.
• De Mordomos a donos.
• De Líderes a chefes.

Liderar é orientar e servir, não manipular para dominar. Deus nos tem dado uma visão de Reino e não de tijolos. Observemos a fragilidade dos tijolos, se quebram com facilidade, se dissolvem na água e no fogo. Uma visão de tijolos anula os cinco ministérios (mestres, pastores, evangelistas, profetas e apóstolos), pois ela exige que as pessoas sejam como muros de tijolos, sempre do mesmo tamanho e forma, Impedindo a individualidade. Logo, todos têm que ser da mesma forma e fazer as mesmas coisas, do contrário, não se encaixam no padrão estipulado. Assim, muitas Igrejas ficam à margem do fluir do Espírito, porque estão centralizadas em uma única forma. Segundo a Palavra, não existe altar de tijolos. Altares são feitos de pedras, é lugar de renúncia e sacrifício. Monumentos de tijolos, como a Torre de Babel é lugar de autopromoção.
Saiba mais
Venha viver
uma experiência
inédita com Deus
Fazer inscrição
Informações
21 4125.3198 | 21 98110.1390
FILHOSBENDITOS@GMAIL.COM
Facebook